Saudade

Saudade para mim é quando fecho meus olhos e posso lembrar de algo com um sorriso no rosto.

É uma lembrança feliz que não dói, só deixa mais leve os dias mais conturbados.

Saudade é como extrair uma dose de alegria de uma vivência bem vivida. Quando me falam que saudade dói, então, não estamos falando do mesmo assunto.

O que dói é a falta e a falta é alguma coisa que não está inteira, como se lhe arrancassem algo que ainda não estava pronto para ver partir.

O que não está inteiro está repartido e, portanto, dolorido.

A saudade é algo que se viveu por inteiro, foi pleno, por isso não dói ao prosseguir.

Eu já senti muita falta, vagava pela vida dolorida…

Mas, hoje, ao me dar oportunidade de novos rumos, tenho lembranças inteiras, entreguei-me com amor a momentos que a vida me deu de presente.

Hoje, meu nome é saudade, falta eu não sinto mais.

Por Júlia Miguel

Escrito em 25/08/2011

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s